GORGEOUS: uma das vacas mais perfeitas do mundo

GORGEOUS: uma das vacas mais perfeitas do mundo

15 de novembro, 2019

Escrito por Marcelo de Paula Xavier*, M.Sc.

 

Quando Mitch e Yolanda Vandenberg registraram uma de suas bezerras Jersey no Canadá aos 3 meses de idade, eles escolheram – talvez por acaso – um nome muito adequado pra ela: GORGEOUS (Linda na tradução para o português).

VANDENBERG AMEDEO GORGEOUS nasceu na fazenda Vandenberg, na Província de Ontário, no dia 14 de maio de 2001. Dois anos depois, ela foi vendida para Jeff Stephens e Mike Heath e, em março de 2005, foi vendida em definitivo para Steve Borland, da pequena cidade de Ormstown, na Província do Quebec (parte francesa do Canadá). Na Rapid Bay Farm – a fazenda do Steve – esta vaca fez fama e ganhou notoriedade mundial.

Fantástica em todos os aspectos, GORGEOUS foi a primeira vaca Jersey a ser classificada com 97 pontos no Programa Multirracial de Classificação Canadense, lançado em agosto de 2005. Sua pontuação final de EX-97-3E é a maior classificação já alcançada na Raça Jersey em todos os tempos.

Na classificação de animais de leite, a pontuação 97 é a máxima possível e representa praticamente a “perfeição morfológica” de uma vaca adulta. Outras vacas na América do Norte atingiram os 97 pontos1, mas – no caso da GORGEOUS – esta pontuação máxima foi atribuída 3 vezes, em 3 classificações diferentes; ou seja, ela não só chegou ao olimpo da excelência, mas se manteve lá por bastante tempo.

Por outro lado, sua grandiosa carreira nas pistas inclui muitos títulos importantes, com os seguintes destaques: 3 vezes All Canadian, 3 vezes Grande Campeã2 e 2 vezes Campeã Suprema da Royal Agricultural Winter Fair, sendo que foi a primeira vez na história desta exposição – desde sua primeira edição em 1922 – que o título de Campeã Suprema foi atribuído a uma vaca da Raça Jersey.

A distinção de ser Campeã Suprema na Royal já é bastante difícil, mas ser duas vezes Campeã Suprema da principal feira do Canadá é, de fato, uma conquista muito expressiva. Este feito foi único na raça até muito recentemente, quando outra vaca Jersey lendária – MUSQIE IATOLA MARTHA – conquistou o Tri Campeonato Supremo da Royal em 2015, 2016 e 2017.

Muito emocionado, Steve conta que no momento da escolha da Grande Campeã Jersey da Royal em 2009, Callum McKinven - o juiz que mais vezes julgou grandes exposições no mundo - enfatizou que estava dando o Grande Campeonato para “a vaca mais perfeita que ele já havia visto ou tido a oportunidade de julgar em toda a sua vida”.

Mais tarde, GORGEOUS foi a última das 5 Grande Campeãs da exposição a entrar na pista de julgamento do Exhibition Place, em Toronto, para a escolha da Campeã Suprema de todas as raças. E, quando ela o fez, toda a audiência (que na sua grande maioria era de criadores da raça Holandesa) começou a aplaudi-la de pé.

Além disto tudo, GORGEOUS é uma vaca altamente produtiva. Ela teve duas lactações completas acima de 9.400 kg e uma lactação acima de 10.000 kg, sendo que chegou a produzir 11.928 kg de leite em um ano (média geral de 32,7 por dia), com 6% de gordura e 3,9% de proteína. Sua produção vitalícia em 5 lactações foi de 55.661 kg de leite, com 5,79% de gordura e 4,09% de proteína.

Ela tem também uma progênie fantástica, com 100% de suas filhas classificadas Excelentes (EX) ou Muito Boas (MB), sendo 11 filhas EX e 5 filhas MB (3 MB-89 e 2 MB-89 de primeira lactação – máxima classificação possível). Na Rapid Bay Farm, suas 15 filhas tem médias impressionantes:

  • Classificação: 91,4 pontos
  • Produção: 8.267 kg de leite, com 6,1% de gordura (em 305 dias)

Como se pode notar, a vaca tem uma incrível capacidade de produção e transmissão de sólidos. Steve ressalta que suas 13 primeiras filhas da GORGEOUS produziram uma média de 6,3% a 6,5% de gordura, sendo 3 delas com lactações acima de 10.000 Kg de leite, com 7% de gordura. Ele complementa dizendo que “isto é inédito, muito consistente. Geneticamente está aí!”

GORGEOUS é, sem dúvida alguma, uma das maiores vacas de todos os tempos. Na opinião de muitos especialistas, uma das vacas de leite mais perfeitas e completas do mundo!

 

Notas:

1 – Muito poucas vacas Jersey chegaram aos 97 pontos. No Canadá, podemos citar GLENAMORE GOLD PRIZE e WAYMAR PATRICK NADINE, por exemplo, mas estas foram avaliadas ainda no sistema antigo de classificação canadense. Nos Estados Unidos, os casos mais notórios de vacas 97 são: MUSQIE IATOLA MARTHA e HURONIA CENTURION VERONICA 20J. Mas, existem outras vacas um pouco menos famosas que também atingiram esta pontuação, como: GENERATORS TOPSY, PLEASANT NOOK F PRIZE CIRCUS e WF BARBER SHASTA, entre outras.

2 – Desde 1922, muitas vacas ganharam a Royal Agricultural Winter Fair, a principal exposição do Canadá. Porém, ganhar esta exposição mais de uma vez é bem difícil. No clube das Bi Campeãs, há 8 vacas Jersey, com destaque para: ARETHUSA RESPONSE VIVID-ET, DUNCAN BELLE e JIF LITTLE MINNIE. O clube das Tri Campeãs, por sua vez, é mais restrito ainda com somente 3 vacas Jersey: FRANKEN MONARCH ROSEL 24R, MUSQIE IATOLA MARTHA e VANDENBERG AMEDEO GORGEOUS. Por fim, há o feito único da vaca GLENAMORE GOLD PRIZE, que ganhou a Royal 5 vezes.

_________________________________________________________________________________________________

*Marcelo de Paula Xavier, produtor rural, formado em Administração de Empresas pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, com Mestrado em Agronegócios pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, foi presidente da Associação dos Criadores de Gado Jersey do Brasil por dois mandatos.

MAIS ARTIGOS

veja mais
Comente pelo Facebook

Proluv
Top